Desafio de 30 dias :: preparando um mês sem séries de televisão

Há mais ou menos 6 meses tentei o desafio de me abster de séries de TV em plena época de Game of Thrones e falhei redondamente; no entanto, sinto que neste momento estou novamente pronta para tentar o desafio, quem sabe fortalecida pelo sucesso do anterior projeto.

try

Portanto: um mês sem séries de TV – a começar a 1 de dezembro, que os desafios realmente difíceis requerem preparação…

Ou seja, como com todos os desafios “extra-dificeis” estou em estágio para esta missão desde o fim de semana.

É-me mesmo difícil enfrentar o vazio de não estar constantemente a seguir outro fio de raciocínio (como o de uma série), estou mesmo habituada a isto.

Emptiness_by_RiKo121

Há uns anos li ou vi em algum lado alguém a fazer a apologia do silêncio e comentavam que “até nos elevadores há música de fundo, como se nos quisessem salvar de estarmos nem que seja 5 minutos connosco mesmos, deus nos livre!” – e a verdade é que eu sinto bastante isso com o silêncio que agora uso mais (a música consegue ser mais distratora para mim que uma série – se calhar é por não estar habituada…). Acresce a este silêncio e esta necessidade de “lidar comigo mesma” o facto de o desafio anterior em que comecei a libertar-me de todas as coisas que não estou a usar ter tornado a minha casa mais vazia também (é um “vazio agradável”, mas ainda assim). Um destes dias, para lidar com o “síndrome de abstinência da série” cheguei mesmo a ir arrumar mais coisas e percebi que o meu acumular de coisas em especial tem a ver com uma coisa muito pouco mindful, uma certa incapacidade de estar no aqui e agora: eu vou adquirindo e acumulando informação e objetos para um momento futuro em que vou estar a fazer coisas em que vou precisar deles. E depois, como esse momento não chega, as coisas vão ficando acumuladas. É todo um ciclo. E dos pouco eficientes.

images

No primeiro dia, domingo achei que podia fazer um dia de exceção por semana (e ó! seria o domingo, claro!), mas depois veio a segunda e até às 17h mais ou menos aguentei-me – mas depois sucumbi… enfim. É o problema dos vícios! A verdade é que apesar de ter estado bastante ocupada, acabei por me sentir um pouco aborrecida de não poder ter como fundo ou intervalo o som de uma série. Acabei por me sentir como os fumadores que estão x horas a aguentar e depois fumam um cigarro com grande vontade…

Ao terceiro dia, já senti necessidade de desligar o ruído de fundo e tenho de admitir que a velocidade de trabalho aumentou MUITO. Sem séries nem música, trabalhei mesmo melhor hoje… Mas não passei o dia sem “matar o vício”… e na quarta-feira em que acordei com uma bonita enxaqueca que me deixou muito sensível à luz e ao ruído, situação em que mesmo assim teria uma série baixinho a dar para me distrair de não poder fazer nada (que seca!), não apeteceu ligar nada, em vez disso fiquei a refletir sobre os meus projetos.

images (1)

Sinto que já neste pequeno estágio noto diferenças. Sempre achei que ver séries (que não deixa de ser uma forma de arte – e há séries mesmo excelentes hoje em dia) é uma forma de absorver, de consumir o mundo e a humanidade… Mas que também é preciso produzir, que é preciso devolver o que se consome, e que é neste equilíbrio que está a chave entre o prazer de ver e o dever de retribuir, com o que se aprendeu.

Blue_Emptiness_by_p0m

Estratégias

Para já ocorrem-me várias estratégias em mente para me ajudar nesta tarefa:

  • habituar-me ao silêncio ou música durante o dia;
  • ler (um livro, nada no pc) quando quero relaxar;
  • fazer uma continuação do meu desafio anterior, sumariando os livros que depois posso doar a quem quiser sem ficar com remorsos;
  • Concluir tarefas e projetos pendentes
    • preparar as prendas de natal da família,
    • acabar os artigos da tese
    • movimentar o processo do livro

Recursos que me podem ajudar neste processo:

…e é tudo o que tenho. Se tiverem mais ideias, a gerência agradece *MUITO*

(que este desafio NÃO vai ser nada nada nada fácil)…

top-ten-american-tv-shows-2014

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s