2017: um ano artístico

Em 2017 vou desafiar-me num nível completamente diferente: todos os meses tenho de fazer algo artístico. Vai ser um “ano” bem diferente dos outros, vai.

A ideia surgiu no final em janeiro, após o lançamento do livro. Nos últimos anos tem acontecido de forma mais ou menos sistemática: obrigo-me a fazer um espetáculo de storytelling ou outra coisa qualquer artística e depois percebo que tem tudo a ver comigo e que eu devia mesmo fazer mais coisas nesta área.

Então este ano, o desafio é este: um ano inteiro a tentar estar mais em contacto com o meu lado artístico, e a produzir coisas na área da arte.

Confesso que demorei algum tempo a passar da ideia (que me apraz imenso) à prática, porque se há alguma coisa que os desafios de 30 dias me ensinaram é que é mais fácil fazer desafios em que me privo de alguma coisa do que em que tenho de sistematicamente fazer alguma coisa… Mas, vamos a isto, e março, o mês da primavera, em que a natureza desponta parece-me o ideal.

3504616b51fc30620481cf55c95e40c7 (1)

Vamos a isto.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s