Campus sustentável – concurso ONU 2021

As Nações Unidas abriram um concurso de ideias para estimular a discussão de ideias acerca da sustentabilidade das Universidades. As candidaturaspodem ser apresentadas individualmente ou em equipa (até 5 elementos) de estudantes, docentes e/ou investigadores. Deadline: fevereiro 2021!

Comunicado às Universidades 

Concurso Campus 2030: Aceita um Novo Desafio! 

Nações Unidas querem ouvir ideias das Universidades para um futuro mais sustentável 

Os campus universitários são a casa da inovação, onde se formam os líderes do futuro e se desenham as soluções para os problemas do amanhã. A segunda edição do Campus 2030 surge como a oportunidade para estudantes, professores e investigadores converterem o seu campusnum modelo global de sustentabilidade. 

O projeto Campus 2030 é coorganizado pelas Nações Unidas e pela Agência Francesa da Francofonia (AFF), em parceria com a plataforma Agorize, e assume-se como um projeto de aceleração da Agenda 2030. Os participantes são chamados a expor uma ideia para tornar os campus universitários mais sustentáveis. A ideia deverá ter em conta 3 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e inserir-se numa das seguintes categorias: Vida Estudantil; Campus na Cidade; Novos Desafios Educacionais. Os participantes devem ser estudantes, professores ou investigadores e deverão explicar a sua ideia em 5 slides. As candidaturas podem ser individuais ou coletivas até 5 pessoas e deverão ser enviadas até ao dia 7 de fevereiro de 2021. 

Segunda fase e Seleção dos Vencedores 

Os 30 projetos selecionados seguirão para uma segunda fase, na qual os participantes irão aprofundar a sua ideia. Durante este período, que decorre de 2 de março a 18 de abril de 2021, os participantes poderão questionar diretamente os organizadores do concurso e terão direito a um acompanhamento personalizado de especialistas e mentores, que os ajudarão a melhorar o projeto final. A proposta final terá de ser entregue em formato PowerPoint ou PDF, que pode ter entre 10 a 15 diapositivos, e deverá incluir um vídeo de apresentação da equipa e do projeto. 

Os 6 projetos finalistas serão defendidos perante um júri, composto por membros da ONU e da AFF, a realizar-se em junho. Apurados os vencedores, as 3 melhores equipas irão receber uma semana paga no estrangeiro (válida para duas pessoas: voos, cursos de aprendizagem, reuniões profissionais e estadia) como parte de uma Expedição de Aprendizagem inclusiva. 

Mais de 1.300 participantes, de mais de 100 países 

A primeira edição deste programa contou com a participação de mais de 1.300 estudantes, professores e investigadores, de mais de 400 instituições de ensino superior de todo o mundo. Ao todo, 97 nacionalidades e 283 projetos — entre os quais, um projeto vencedor da Universidade de Coimbra! 

Para mais informações sobre o programa consulte o site oficial aqui.

Publicado por helenagmartins

People are my favorite "thing". I'm a creative and dynamic teacher and researcher in the area of People at Work. I love the arts and I practice plenty of them.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: